Início > No motor PM > Várias situações importantes que impedem o funcionamento adequado dos motores

Várias situações importantes que impedem o funcionamento adequado dos motores

2024-01-25 11:47:49

By

    Compartilhar com:

Como um importante dispositivo de energia, motor é amplamente utilizado na produção industrial, transporte, uso doméstico aparelhos e outros campos. Sob certas condições, os motores podem enfrentar o problema de não funcionarem normalmente, o que tem um impacto importante na eficiência do trabalho e na confiabilidade do equipamento. Compreender o impacto destas restrições no desempenho do motor e tomar medidas apropriadas para neutralizá-las é fundamental para garantir a operação confiável do motor.

Efeitos da alta altitude nos motores

A altitude excessiva é um dos fatores limitantes comuns que podem afetar o funcionamento adequado de um motor. À medida que a altitude aumenta, a pressão atmosférica e os níveis de oxigênio diminuem. Isso afetará diretamente a dissipação de calor e o efeito de resfriamento do motor. Isso ocorre porque em um ambiente com baixo teor de oxigênio, a eficiência do ventilador e do resfriador dentro do motor diminui, resultando em temperaturas mais altas do motor. Além disso, os motores também são normalmente expostos a temperaturas ambientes mais elevadas do que em altitudes mais baixas, o que agrava ainda mais o problema da difícil dissipação de calor.

Limitados pela pressão atmosférica e pelos níveis de oxigênio, os motores são difíceis de dissipar o calor por meio de métodos naturais de resfriamento. Isto significa que os motores necessitam de um sistema de refrigeração mais robusto para manter a temperatura estável. Caso contrário, o motor poderá superaquecer, resultando em danos ou desligamento do equipamento.

Em grandes altitudes, os motores podem apresentar problemas de partida e funcionamento. Por causa do ar rarefeito, há fornecimento insuficiente de oxigênio dentro do motor, o que afeta a eficiência de combustão do motor. Isso pode fazer com que o motor não dê partida ou funcione de forma irregular. Além disso, a capacidade de carga do motor é reduzida em grandes altitudes, afetando ainda mais a sua eficiência operacional.

Para fazer face às restrições da altitude elevada, podem ser consideradas as seguintes soluções:

Adote um melhor sistema de dissipação de calor: Para garantir o efeito de dissipação de calor do motor em ambientes de alta altitude, um melhor sistema de dissipação de calor pode ser adotado, como aumentar o número de ventiladores ou usar sistema de refrigeração líquida.

Aumente a potência do motor adequadamente: Devido ao ar rarefeito, a potência de saída do motor geralmente é reduzida. Para compensar essa perda, considere aumentar a potência do motor de forma adequada para garantir que ele possa operar normalmente.

Otimizar o sistema de controle do motor: Em ambientes de alta altitude, a precisão do controle e a velocidade de resposta do motor podem ser melhoradas otimizando o sistema de controle do motor, melhorando assim o desempenho de partida e funcionamento do motor.

 

Efeitos da baixa temperatura nos motores

As baixas temperaturas também são um dos fatores limitantes comuns encontrados pelos motores em ambientes especializados. Em um ambiente de baixa temperatura, as peças mecânicas dentro do motor, como rolamentos e engrenagens, estão sujeitas a desgaste e deformação. Este fenómeno deve-se principalmente ao facto das peças mecânicas se tornarem frágeis e quebradiças, reduzindo assim a sua capacidade de carga.

Quando a temperatura do ambiente operacional é muito baixa, o lubrificante dentro do motor torna-se pegajoso, perdendo assim os seus efeitos lubrificantes e protetores. Isto pode causar atrito e desgaste nas peças internas do motor, o que por sua vez afeta a operação normal do motor e aumenta a carga do motor durante a partida. Além disso, a corrente exigida pelo motor aumenta em baixas temperaturas, aumentando assim o consumo de energia do motor.

Para evitar que as baixas temperaturas tenham um maior impacto no funcionamento do motor, podem ser consideradas as seguintes soluções:

Adote lubrificante de alta qualidade: Em um ambiente de baixa temperatura, o lubrificante dentro do motor está sujeito a falhas. A utilização de um lubrificante de alta qualidade reduzirá o atrito e o desgaste, protegendo assim o funcionamento normal e a vida útil das peças mecânicas.

Mantenha a temperatura do motor estável: Num ambiente de baixa temperatura, a temperatura do motor afetará o seu funcionamento normal. Ao utilizar equipamentos de aquecimento e materiais de isolamento, etc., a temperatura do motor pode ser mantida estável, evitando o super-resfriamento e afetando o funcionamento normal do motor.

Certifique-se de que o motor esteja suficientemente pré-aquecido: em um ambiente de baixa temperatura, o motor precisa ser suficientemente pré-aquecido para reduzir a carga durante a partida e melhorar a taxa de sucesso da partida. O tempo de pré-aquecimento precisa ser determinado de acordo com a situação específica, e geralmente é recomendado que o tempo de pré-aquecimento não seja inferior a 30 minutos em ambiente de baixa temperatura.

Efeitos da carga leve nos motores

Carga leve significa que o motor está sujeito a uma carga pequena durante a operação ou funciona sob uma carga leve. Embora a carga leve possa não parecer ter um efeito negativo significativo no motor, ela ainda pode impedir que o motor funcione de maneira ideal.

Quando o motor está em condições de carga leve, sua potência de saída é relativamente baixa e as perdas fixas do próprio motor (por exemplo, perda de ferro, perda de cobre, etc.) estão relacionadas à potência nominal do motor. Portanto, a eficiência do motor diminui sob condições de carga leve. Isso significa que o motor precisa consumir mais potência para realizar a mesma tarefa, aumentando assim o desperdício de energia.

Sob carga leve, a potência de saída do motor é menor e a velocidade de movimento do rotor é correspondentemente menor. Isso resulta em uma taxa mais lenta de mudança do campo magnético, o que causa correntes parasitas. As correntes parasitas são correntes induzidas no interior de peças metálicas devido a mudanças no campo magnético, que consomem uma parte da energia elétrica e geram calor. Como resultado, as perdas por correntes parasitas de um motor aumentam sob carga leve.

Para neutralizar os efeitos das cargas leves nos motores, podemos considerar as seguintes soluções:

Ajustando a velocidade do motor usando um conversor de frequência: Utilizando um conversor de frequência, a velocidade do motor pode ser ajustada de acordo com a demanda real de carga, para que fique em melhores condições de carga durante o funcionamento. Isso pode melhorar a eficiência e economia de energia do motor.

Verifique e faça manutenção regularmente no motor: verifique regularmente o status de funcionamento e a temperatura do motor para garantir sua operação normal. Manter boas condições de isolamento e dissipação de calor pode reduzir o aumento e as perdas de temperatura do motor.

Considere operar em paralelo ou usar vários motores: Se a carga variar em uma ampla faixa, considere operar vários motores em paralelo para mantê-los operando em uma faixa de carga mais alta. Isso pode melhorar a eficiência geral e reduzir problemas em condições de carga leve.

 

Conclusão

É importante compreender como essas restrições afetam o desempenho do motor, a fim de tomar medidas apropriadas para garantir uma operação confiável do motor. Somente compreendendo o impacto destas restrições no desempenho do motor poderemos tomar medidas apropriadas para garantir a operação confiável dos motores e melhorar a sua eficiência e vida útil, atendendo assim às necessidades das aplicações práticas.

PRODUTO RELACIONADO